Asaneiras do Instagram

Asaneira do Instagram

Asaneira do Instagram


» por Humberto Meneguin

Não há nada de errado em se deixar fotografar ou fotografar-se quando se está executando uma postura de Yoga. No entanto, quando as imagens são exageradamente exibidas via Instagram ou noutras redes sociais de uma forma incontrolável, a prática de um asana, até que bem feito, acaba por ceder lugar a uma vaidade incontrolada de quem a isso se propõe. Vaidade à parte, o que realmente pretendem as “asaneiras do Instagram”?

Veja MAIS »

Gostou? Compartilhe com todos os seus amigos...

Aulão de Hatha Flow Yoga com Cristiano Bezerra no Espaço Respire

Cristiano em bakasana, a postura do corvo. Foto por Ana Lorena Magalhães.

Cristiano em bakasana, a postura do corvo. Foto por Ana Lorena Magalhães.

Primeiro Aulão de Hatha Flow Yoga com Cristiano Bezerra
no Espaço Respire (Rua Dr. Gilberto Studart, 805, Cocó, Fortaleza, CE).

Dia 17 de janeiro de 2015, sábado, das 8h30 às 10h30,
com entrada grátis e vagas limitadas.
Garanta já a sua e traga o seu próprio yogamat (tapetinho)!

Veja MAIS »

Gostou? Compartilhe com todos os seus amigos...

Orientações aos iniciantes na prática do Hatha Yoga

Cristiano em parivrtta ardha rajakapotasana na sala de Yoga do Ar+Zen » foto por Ana Lorena Magalhães

Cristiano em parivrtta ardha rajakapotasana na sala de Yoga do Ar+Zen » foto por Ana Lorena Magalhães

» por Milton Cunha (1919-2000)

As técnicas de respiração, relaxamento e meditação constituem a base da prática do Hatha Yoga. Dessa forma, não devemos confundir o Hatha Yoga com o contorcionismo das ginásticas que exigem do corpo o máximo de flexibilidade. Na realidade, a milenar ciência indiana é muito mais a interação corpo-mente do que um simples exercício físico. Essa visão holí­stica nos conduz a uma reeducação integral, o caminho do autodomínio que nos leva a uma transformação interior.

Veja MAIS »

Gostou? Compartilhe com todos os seus amigos...

5 de janeiro de 1893, dia do nascimento de Paramahansa Yogananda

Paramahansa Yogananda (1893 - 1952)

Paramahansa Yogananda (1893 – 1952)

Mahavatar Babaji, em seu primeiro encontro com Sri Yukteswar, disse que sentia vibrações de muitas almas sedentas de espiritualidade vindas até ele, como um dilúvio, vibrações muito distantes, provenientes da América e da Europa.

Percebendo santos em potenciais nesses lugares, esperando apenas serem despertados, Babaji comunicou a Sri Yukteswar que lhe enviaria mais tarde um discípulo para ser treinado com a meta de disseminar o Yoga pelo Ocidente.

Muito tempo depois, em 5 de janeiro de 1893, na cidade de Gokakhpur, no nordeste da Índia, próximo das cordilheiras do Himalaia, nascia Mukunda Lal Gosh, quarto filho de Bhagabati Charan Gosh e de Gurru Ghosh.

Veja MAIS »

Gostou? Compartilhe com todos os seus amigos...

Castigos e prêmios

A roda do Samsara, simbolizando a inevitável alternância dos opostos da existência

A roda do Samsara, simbolizando a inevitável alternância dos opostos da existência

» por José Hermógenes (1921-)

É próprio do ser humano considerado social e psicologicamente “normal” agir em proveito próprio, no interesse do “eu” e dos “meus”. Há sempre nele uma indagação engatilhada – “quanto é que eu levo nisso?”.

Motivação é o termo técnico com que os psicólogos nomeiam “um conjunto de fatores, intrínsecos e extrínsecos (instintos, necessidades, impulsos, apetências, homeostase, libido e outras variáveis intervenientes) que determina a atividade persistente e dirigida para uma finalidade ou recompensa. Entre o fator variável e a finalidade (ou recompensa) situa-se o comportamento que a ela conduz…“.

Veja MAIS »

Gostou? Compartilhe com todos os seus amigos...

A prece do bom administrador

Francisco de Assis (1182 - 1226)

Francisco de Assis (1182 – 1226)

» por José Hermógenes (1921-)

“Senhor,

Fazei de mim um instrumento de Vossa PAZ.
Onde houver ódio, que eu leve o AMOR.
Onde houver ofensa, que eu leve o PERDÃO.
Onde houver discórdia, que eu leve a UNIÃO.
Onde houver dúvida, que eu leve a FÉ.
Onde houver erro, que eu leve a VERDADE.
Onde houver desespero, que eu leve a ESPERANÇA.
Onde houver tristeza, que eu leve a ALEGRIA.
Onde houver trevas, que eu leve a LUZ.


Veja MAIS »

Gostou? Compartilhe com todos os seus amigos...